4 lugares para viajar onde o real vale mais que a moeda local

Cuidados com documentos em viagens nacionais ou internacionais
03/10/2017
Os melhores sites para encontrar passagem barata
05/10/2017

4 lugares para viajar onde o real vale mais que a moeda local

Em tempos de Dólar e Euro muito mais caros que o Real, quais são as alternativas para que o turista brasileiro possa viajar ao exterior? Nós selecionamos 4 lugares para viajar onde o Real vale mais que a moeda local.

Para entender como foi feito o nosso cálculo, consideramos um turista econômico que fica em um hotel de 3 estrelas, que toma café da manhã, almoça e janta na rua, usa por volta de 3 bilhetes no transporte público e visita 1 atração turística por dia. Saiba quais são esses destinos e confira o resultado!

 

1. Vietnã

A entrada no Vietnã se dá pelos aeroportos das grandes cidades, Ho Chi Minh ou Hanói. Essas cidades possuem o custo médio diário de R$80 incluindo alimentação, transporte e hospedagem. Sim, é muito barato mesmo! Em compensação, o preço da passagem aérea até lá é bem salgado. Vale a pena buscar por promoções nas companhias aéreas.

Além da loucura das grandes cidades, o Vietnã apresenta belezas naturais de tirar o fôlego. Um desses locais é a Baía de Ha Long, que tem águas claras e mais de 3.000 ilhotas de calcário que impressionam pela altura. Cavernas, lagos, quedas d’água, contato com os animais e uma gastronomia incrível completam o roteiro.

2. Indonésia

Desconhecida por muitos turistas que optam pelos roteiros tradicionais, como Europa e Estados Unidos, a Indonésia apresenta uma mistura fantástica entre praias, história e cultura. Jacarta é a maior cidade e possui custo médio diário de R$80. Em Dempassar, maior cidade da Ilha de Bali, esse custo médio diário é de R$42,50. Já em Bali, destino mais badalado, o custo sobe para R$100 ao dia incluindo alimentação, transporte e hospedagem.

Assim como no Vietnã, os preços são bem atraentes quando você já está lá. O preço da passagem do Brasil até lá custa, em média, R$3.500,00. Em Jacarta, você curte uma agitada vida noturna, pode fazer compras e sentir um clima mais cosmopolita. Já em Dempassar, você respira história com os seus incríveis museus e ainda pode pegar um sol nas praias. Por fim, Bali é para quem curte águas cristalinas e muito sol. As praias de lá figuram entre as mais belas do planeta.

3. Argentina

Nossos hermanos sofrem com a desvalorização do Peso Argentino frente ao Real e nós aproveitamos para explorar o país deles. A capital, Buenos Aires, respira cultura com suas imensas livrarias. Dá para comprar artigos de couro na Calle Florida e ainda visitar o Caminito e o estádio do Boca Juniors. O custo médio de um dia de visita na Argentina é de R$170. A passagem para lá custa a partir de R$300,00.

Fora da capital, dá para conhecer a Patagônia argentina, considerada como o fim do mundo. É lá que fica a charmosa cidade de Ushuaia (R$170/dia). Ali perto fica El Calafate (R$250,00/dia), cujo principal atrativo é o Glaciar Perito Moreno. Quem disse que precisava ir até a Antártida para ver um glaciar de perto?

4. Croácia

Nem só de França, Portugal, Itália e Inglaterra vive o turismo da Europa. A Croácia é um pequeno país banhado pelo Mar Adriático e que tem atrações turísticas para todos os gostos e bolsos. Zagreb (R$140,00/dia), a capital, possui inúmeros museus, centros históricos e culturais, jardins e catedrais.

Dá para alugar um carro e percorrer as demais cidades do país, como a charmosa Dubrovnik (R$210,00/dia). Essa cidadezinha tem ares medievais e já foi cenário da série de sucesso Game of Thrones. Tem também a cidade de Split (R$170,00), com praias, monumentos, museus e palácios.

Gostou das nossas dicas? Então prepare-se para a sua próxima viagem, compartilhe esse post nas suas redes sociais e dê essas dicas para seus amigos!